Home
|
|
|
|
|

| Saúde Federal | Saúde Estadual | Saúde Municipal | INSS | MPS | Funasa | DRT | PSF ACS ACE | Ações Judiciais | Comunitário | Política | Economia | Cultura | Geral | Galeria de Fotos | Links | Erramos 15/05/2017 11/05/2017 08/05/2017 05/05/2017 28/04/2017
Saúde Estadual  

Carlos Chagas: servidores denunciam precariedade e cobram salários em atraso

15/05/2017


Servidores do Carlos Chagas protestaram contra precariedade do hospital e exigiram pagamento imediato de salários em atraso
Foto: Fernando França

 

Da Redação do Sindsprev/RJ
Por André Pelliccione

Servidores do Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, protestaram, na manhã desta segunda-feira 15, contra as precárias condições da unidade, onde faltam insumos como seringas, gaze, álccol e medicamentos. A manifestação foi realizada em frente à entrada principal do Hospital, um dos maiores da zone oeste do Rio.

Os servidores também protestaram contra o atraso de salários no Estado. “A situação está a cada dia mais insustentável. O salário de março só foi pago na última sexta-feira [12/5], um dia após termos ocupado a secretaria estadual de saúde durante um ato público. Só saiu porque pressionamos, mas o governo continua nos devendo o salário de abril e o décimo-terceiro. Não vamos dar descanso ao governo enquanto não respeitarem os nossos direitos”, afirmou diretora do Sindsprev/RJ Rosimeri Paiva (Rose), que reforçou a convocação dos servidores para as próximas mobilizações.

“No próximo domingo, dia 21, a partir das 10h, em frente ao Copacabana Palace, o Movimento Unificado dos Servidores Públicos Estaduais [Muspe] vai fazer um grande ato unificado para cobrar o pagamento imediato dos salários em atraso e barrar a privatização da Cedae. Os servidores têm que ter consciência e participar. Esperamos a presença de todos”, completou.

Durante a manifestação no Carlos Chagas, o Sindsprev/RJ alertou os servidores do Hospital para que não aceitem a acomodação de escalas proposta pela direção-geral da unidade. “Essa acomodação prevê uma folga por semana, o que pode não ser entendido pela população. O resultado é que muitos usuários podem ficar contra os servidores do Hospital”, explicou Rose.

Nesta quarta-feira (17/5), a partir das 10h, no Sindsprev/RJ, acontece a reunião do Departamento da Saúde Estadual.


Servidores do Carlos Chagas reafirmaram convocação para ato unificado do próximo domingo, em Copacabana (Foto: Fernando França)

 



Ato Carlos Chagas

Ato desta segunda (15/5) também convocou para ato unificado do próximo domingo (21/5), em Copacabana.
- Foto: Fernando de França



     Voltar

Ir para o topo | Envie esta página para um amigo | © SINDSPREV 2007  |  Desenvolvido por Spacetec