Home
|
|
|
|
|

| Saúde Federal | Saúde Estadual | Saúde Municipal | INSS | MPS | Funasa | DRT | PSF ACS ACE | Ações Judiciais | Comunitário | Política | Economia | Cultura | Geral | Galeria de Fotos | Links | Erramos 30/05/2019 15/05/2019 14/05/2019 03/05/2019 10/04/2019
Saúde Estadual  

Sindicato exige resposta a reivindicações da saúde do estado

30/10/2019

Da Redação do Sindsprev/RJ
Por Olyntho Contente

A diretora do Sindsprev/RJ, Clara Fonseca, entregou nesta quarta-feira (30/10) à Secretaria Estadual de Saúde, no 5º andar da Rua México, 128, ofício exigindo resposta do titular da pasta, o major da PM, Edmar Santos, às reivindicações entregues por escrito no dia 17 de setembro. Entre elas o pagamento do adicional noturno, do triênio, que os salários sejam creditados até o quinto dia útil do mês seguinte ao trabalhado, reajuste do auxílio-refeição, pagamento do adicional de qualificação, progressão da carreira e incorporação do PCA.

Santos se comprometeu a responder em 15 dias. Mas não o fez até hoje, mais de um mês depois. Na ocasião foi cobrado, também, o cumprimento da lei aprovada pela Alerj, de implantação do Plano de Cargos e Remuneração (PCR), uma promessa de campanha feita pelo governador, então candidato, Wilson Witzel, e nunca cumprida.

Pelo contrário, o governador não só deixou de honrar o compromisso, como entrou com ação questionando a constitucionalidade do PCR, passando a descumprir a lei que determinava a sua implantação. No mesmo dia 17, o Sindsprev/RJ e uma série de outras entidades exigiram do secretário a implementação do plano, mas Santos alegou que não estava autorizado pelo governador a conversar sobre o assunto. 






     Voltar

Ir para o topo | Envie esta página para um amigo | © SINDSPREV 2007  |  Desenvolvido por Spacetec