Home
|
|
|
|
|

| Saúde Federal | Saúde Estadual | Saúde Municipal | INSS | MPS | Funasa | DRT | PSF ACS ACE | Ações Judiciais | Comunitário | Política | Economia | Cultura | Geral | Galeria de Fotos | Links | Erramos 30/05/2019 15/05/2019 14/05/2019 03/05/2019 10/04/2019
Saúde Municipal  

PAM Del Castilho continua abandonado pela prefeitura do Rio

01/10/2019


Goteiras e alagamentos: reportagem feita em 2012 já constatava o péssimo estado de conservação do PAM Del Castilho. Passados 7 anos, nada mudou no abandono da unidade

Foto: Fernando França

Da Redação do Sindsprev/RJ
Por André Pelliccione

O PAM Del Castilho (Policlínica Rodolfo Rocco) continua cada vez mais sucateado. A unidade deveria funcionar com todas as clínicas e especialidades — como pediatria, pneumologia, otorrinolaringologia. Mas, infelizmente, não é o que vem acontecendo.

O setor de otontologia do ambulatório, por exemplo, encontra-se com cadeiras quebras ou com defeito, além de uma cadeira de cirurgia quebrada há mais de um ano. Na emergência, duas cadeiras estão quebradas há vários meses.

Para piorar o quadro, o PAM está sem vigilantes porque a Secretaria Municipal de Saúde (SMS-RJ) não paga à empresa que fornece o serviço. “A situação é de abandono total. É lamentável que isto aconteça numa unidade com 30 mil metros de área construída, onde funciona uma clínica da família”, criticou Osvaldo Mendes, da direção do Sindsprev/RJ.

Há quase 10 anos que o Sindsprev/RJ vem denunciando as precárias condições de funcionamento do PAM Del Castilho. Em 2012, a reportagem do sindicato constatou a existência de vazamentos generalizados no PAM.






     Voltar

Ir para o topo | Envie esta página para um amigo | © SINDSPREV 2007  |  Desenvolvido por Spacetec