Home
|
|
|
|
|

| Saúde Federal | Saúde Estadual | Saúde Municipal | INSS | MPS | Funasa | DRT | PSF ACS ACE | Ações Judiciais | Comunitário | Política | Economia | Cultura | Geral | Galeria de Fotos | Links | Erramos 30/05/2019 15/05/2019 14/05/2019 03/05/2019 10/04/2019
Saúde Municipal  

Servidores e usuários fazem ato contra fechamento do PAM Del Castilho

05/11/2019

No ato, o diretor do Sindsprev/RJ, Osvaldo Mendes, exige atendimento de qualidade

Da Redação do Sindsprev/RJ
Por Olyntho Contente

Servidores e usuários da Policlínica Rodolfo Rocco (antigo PAM Del Castilho), no último dia, 29, às 10 horas, particparam de um grande ato, em frente à unidade. O objetivo foi protestar contra o abandono a que a Prefeitura do Rio de Janeiro tem submetido a policlínica a ponto de não mais ter condições de funcionar. Várias comunidades do entorno estiveram presentes.
A Prefeitura do Rio não investe, nem faz concurso. O resultado é que o numero de profissionais é insuficiente e vem caindo ainda mais; faltam medicamentos os mais variados e todo tipo de material para exames e tratamento. Garantir atendimento de qualidade não é nenhum favor, mas direito da população. É, portanto, obrigação da Prefeitura.

O protesto unificando servidores e usuários foi realizado para reverter a situação de abandono. E cobrar providências imediatas da Prefeitura para que a unidade possa prestar bons serviços à população.

Secretária: PAM não será fechado

O primeiro resultado da mobilização foi reunião da secretária de saúde municipal, Ana Beatriz Buch e o subsecretário Jorge Darze, com os funcionários do PAM. Na ocasião garantiram que a unidade não vai fechar as portas. E que tomarão as providências para que isto não venha a acontecer.






     Voltar

Ir para o topo | Envie esta página para um amigo | © SINDSPREV 2007  |  Desenvolvido por Spacetec